Acompanhe no youtube
inscreva-se
A forma sensível de John Scalzi discutir assuntos em “A Guerra do Velho”

A forma sensível de John Scalzi discutir assuntos em “A Guerra do Velho”

A forma sensível de John Scalzi discutir assuntos em “A Guerra do Velho”

“No meu aniversário de 75 anos fiz duas coisas: visitei o túmulo da minha esposa, depois entrei para o exército.”

Você provavelmente está lendo esta resenha em uma idade que ainda nem parou para imaginar como vai ser aos 75 anos. Se você ainda estará vivo, com quantos filhos e netos, quantos cachorros ou gatos? Você terá uma casa, um apartamento ou estará doente? Lúcido, fará caminhadas, terá amigos, também com idades avançadas igual a sua? Seu médico o conhecerá bem? Como será ter 75 anos?

Para mim, “A Guerra do Velho” já chama atenção nas primeiras páginas por nos trazer personagens com uma idade diferente daquelas que costumamos ler, em situações diferentes daquelas que costumamos ler. Não temos um senhor idoso que sofreu um acidente de carro ou que está em um asilo abandonado pelos filhos, jogando xadrez e arrependido da vida. Aqui temos um senhor de 75 anos, que irá para guerra.

IMG_6006

“O problema de envelhecer não é acontecer uma desgraça após a outra – é toda a desgraça acontecer de uma vez e o tempo todo”

Se você gosta de ficção científica, “A Guerra do Velho” é a escolha certa, abordando temas pertinentes como o envelhecimento, a vida sem esperanças e conflitos territoriais, o livro de John Scalzi vai nos colocar em situações de check com a nossa consciência quando olhamos para o que o personagem precisa fazer. Temos o custo da guerra em nossas mãos com uma escrita gostosa e sensível na forma de se comunicar. John sabe escrever ficção e dosar os acontecimentos com sabedoria.

Com uma dose de humor, as palavras são feitas com sabedoria para colocar o leitor dentro daquela história, simpatizar com aquele personagem e entender como as coisas funcionam (item fundamental em ficções científicas). O livro transmite de forma clara as ideias e não nos faz ficar perdidos dentro das novidades.  

IMG_5998
IMG_5997

IMG_5996

“As pessoas se alistam porque não estão prontas para morrer e não querem envelhecer. Alistam-se porque a vida na Terra não é interessante depois de uma certa idade. Ou se alistam para ver um lugar novo antes de morrer. É por isso que me alistei, sabe? Não estou ingressando para lutar ou ser jovem de novo. Apenas quero ver como é estar em outro lugar.”

A “Guerra do Velho” é uma novidade surpreendente da Aleph, aqueles livros que você pega e não quer mais largar, John Scalzi provavelmente vai entrar no coração dos leitores brasileiros para nunca mais sair. Espero que aproveitem a dica de hoje e aproveitem a leitura.

IMG_6000

ISBN-13: 9788576572992 | ISBN-10: 8576572990 | Ano: 2016 | Páginas: 368 | Editora: Editora Aleph

John Scalzi escreve livros, que, considerando onde você está lendo isso, faz todo o sentido. Ele é mais conhecido por escrever ficção científica, pelo qual ganhou o Prêmio Campbell W. John (2006) e foi nomeado para o Prêmio Hugo de melhor romance (2006, 2008, 2009). Ele também escreve não-ficção, sobre temas que vão desde finanças pessoais para a astronomia, e foi o consultor criativo para a série de televisão Stargate: Universe.

{ Esse livro foi enviado pela editora Aleph para resenha no blog. Em compromisso com o leitor, sempre informamos toda forma de publicidade realizada pelo blog

CLIQUE AQUI PARA COMPRAR 

Baci ;*

Aproveite para nos seguir nas redes sociais!

Facebook ☁ Instagram ☁ Twitter ☁ Tumblr ☁ Google +  ☁ Pinterest ☁ Youtube  Blogvin ☁ Flickr

Relacionados

Leave a Comment

Leave A Comment Your email address will not be published

CRÔNICAS

sonhei com você.

Acordei hoje com um sorriso amargo. Sonhar com você está sempre repleto de dualidade, ao mesmo tempo que gosto daquela sensação de proximidade, fico triste pela saudade que bate mais forte depois de uma noite inteira sonhando com você.

Read More