Homens Mulheres e Filhos é uma janela para olhar e pensar no mundo.

Homens Mulheres e Filhos é uma janela para olhar e pensar no mundo.

 Eu sempre amei os livros que me fazem pensar na vida. Quando li a sinopse de Homens, Mulheres e Filhos eu nem pensei duas vezes, sabia que o livro me marcaria de alguma forma e eu precisava ler esse ainda em 2014. Aproveitei os pedidos do mês e pedi para a editora. Logo que chegou eu comecei a minha leitura e hoje eu vou poder falar um pouco mais dele para vocês.

Ps: Ainda não assisti o filme, mas pretendo. Assim que assistir eu penso em fazer algo falando do livro e do filme. Quem sabe um vídeo no canal do blog no youtube?

Homens, mulheres & filhos é a melhor obra de ficção já escrita sobre a sexualidade de adolescentes e adultos em tempos de Internet. O autor cria uma rede de personagens que levam vidas comuns e aparentemente normais, mas, no fundo, repletas de neuroses, fraquezas, pudores, perversões, inseguranças, ingenuidades, e cujo comportamento é influenciado diretamente pela mídia e pelo mundo virtual. 
O filho obcecado por videogames, a adolescente com mania de magreza, a mãe superprotetora, a filha rebelde, o jovem deprimido, a esposa que não se sente mais desejada, o marido que foi abandonado pela mulher, o pai viciado em pornografia on-line neste livro fantástico existe um personagem para cada um de nós. 

Em uma palavra, como está sua vida e a da sua família no momento?
IMG_1473

Homens, mulheres & filhos é um livro sobre o meio. Intercalando a tecnologia com o tema que ele quer trazer, consegue discutir o certo e o errado sem ter uma opinião formada em toda a obra. Você olha para Homens, Mulheres e Filhos e o livro te olha de volta, te encara com tudo aquilo que a sociedade está acostumada. O livro consegue ser sincero a ponto de ser trágico. 

A vida é traiçoeira, monta e desmonta nossas atitudes e aqui, Chad escreve, aquilo que já sabemos como funciona, mas esquecemos por adaptar e fingir que é totalmente de outra forma: a sexualidade em tempos 2.o. É mais fácil analisar de outra forma, afinal como as pessoas te tratariam se soubessem dos seus gostos, ou pior: como você se trataria?

Homens, Mulheres & Filhos pode agredir e eu duvido sinceramente que o filme possa ter captado toda a sensibilidade e o tapa com luvas de veludo que o autor deu na sociedade com suas palavras.

Esse é um livro que eu recomendo muito para você que tem problemas para lidar com algumas coisas, que não concorda com várias outras e que principalmente se pergunta onde tantas conversas em 140 caracteres vai nos levar. Será que existe algo que possamos fazer ou tudo só tende a piorar?

IMG_1472

ISBN: 9788501070692 | Ano: 2014 | Páginas: 351 | Editora: Record

editoras

CLIQUE AQUI PARA COMPRAR 

Baci ;*

Aproveite para nos seguir nas redes sociais!
Facebook Instagram Twitter Tumblr Google + ? Pinterest Youtube ?Blogvin Flickr

Anna Schermak
Anna Schermak

Criadora do @pausaparaumcafe, social media, formada em marketing, rata de biblioteca, intolerante à lactose e a pessoas de mau humor.

6 comments

Leave a comment
  1. Isabela

    24 de dezembro de 2014 at 10:23

    Anna, este livro está na minha lista de desejados. Que bom saber que ele te marcou e te permitiu reflexões importantes sobre a vida. Espero ter a mesma sensação…

    Bjs bjs 🙂

    • Anna Schermak

      24 de dezembro de 2014 at 11:20

      Espero que você goste e tenha uma opinião parecida com a minha Isa <3

  2. Nicolas Ueda

    24 de dezembro de 2014 at 10:54

    Eu to curioso pra ver o filme adaptação do livro, ele é dirigido pelo Jason Reitman,que fez Juno e Obrigado por Fumar. E além disso, acho que o que mais me chamou a atenção do filme/livro foi a ilustração de capa. Quando é bem feita, é meio que o DiCaprio no Django: Vocês tinham minha curiosidade, mas agora têm minha atenção. :p

    Sobre o tema, eu acho interessante. É sempre legal ver histórias que se questionam sobre a sociedade, mas deve ser realmente bem trabalhoso achar uma forma de desfecho que não pareça vaga, ou então muito piegas. Já vi vários filmes e tal que não acabam fechando muito bem, justamente por receio de deixar uma mensagem contraditória, ou que o público não entenda. Acredito que se condiz com a narrativa, e com o que o autor quis dizer, ela está no caminho certo.

    • Anna Schermak

      24 de dezembro de 2014 at 11:21

      Também to super curiosa, mas to com tanta preguiça de usar o meu ingresso que provavelmente vou ver só quando sair em DVD mesmo. Sem ânimo pra aguentar um cinema ou sair de casa nessa chuva de curitiba.

  3. Alaine Cristin

    24 de dezembro de 2014 at 14:58

    Oi, gosto muito do seu blog. Vou colocar esse na lista de desejos. Bjss

    • Anna Schermak

      1 de janeiro de 2015 at 13:00

      Oi Alaine, tudo bem?
      Fico muito feliz com seu comentário 😉
      Espero que goste de Homens Mulheres e Filhos!

Leave a Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.