Acompanhe no youtube
inscreva-se
[O que achamos de…] Scusi ma ti chiamo amore

[O que achamos de…] Scusi ma ti chiamo amore

[O que achamos de…] Scusi ma ti chiamo amore

Nikki (Michela Quattrociocche) tem 18 anos e divide seu tempo entre os estudos no último ano do ensino médio e a ida em festas e clubes, juntamente com os amigos. Alex (Raoul Bova) tem 37 anos e uma carreira de sucesso como publicitário. Abandonado pela mulher que considerava ser seu “eterno amor”, a vida social de Alex agora se restringe aos antigos amigos. Um dia a vida deles se cruzam, quando acidentalmente Nikki bate sua moto no carro de Alex.

  

Ciao Ragazzi! Tutto bene?

Eu voltei, muito tempo depois, mas voltei! Eu prometi que iria trazer algumas “resenhas” de filmes em italiano agora que eu estou estudando essa lingua così bella.
Depois do meu post gigantesco sobre três metros acima do céu  eu até que assisti alguns filmes, mas sabe como é a vida, nunca tenho tempo para nada. Mas ontem eu me dei ao luxo de deitar em minha cama e não levantar até assistir um filme, acabar com o balde de pipoca e finalizar 2 temporadas inteiras de HIMYM. E um dos filmes que eu assisti ontem foi o Scusi ma ti chiamo amore inspirado no romance de Frederico Moccia.

Lição de Amor

O livro no Brasil foi traduzido como Lição de Amor, mas vamos esquecer essa tradução e voltar para a linda versão original em italiano <3

O filme é um drama romântico muito bonitinho mas que para mim não colou em muitas partes.  Mas calma, eu gostei do filme. Só pelo lindo sorriso do Raoul ele já leva 5 estrelas e um coração lindo na minha lista de preferidos.

raoul-bova-in-una-scena-del-film-scusa-ma-ti-chiamo-amore-51915
E minha mãe ainda me pergunta pra que ir pra Itália…

O filme envolve o romance de um casal com uma diferença de 20 anos de idade, e no filme pelo menos foi algo meio que fácil demais para o casal, para os pais e amigos aceitarem. É quase que eu chegar em casa e falar,Oi mãe, estou namorado com alguém da sua idade, beijos”.
Não sei vocês, mas acho ao menos eu teria um surto da minha mãe louca e querendo pelo menos explicações. Não seria algo tão comum e aceitável.
No filme eles até chegam a falar da dificuldade que iria ser para Alex, uma cena pequena de poucos segundos, mas isso passa e puf volta ao drama do amor novamente.

Eu não sei se no livro isso é diferente. EU NÃO LI O LIVRO AINDA

O filme é bonito, cheio de frases bonitas e provas de que quem ama realmente espera. Não importando que o outro tenha 20 anos a mais e que a sua vida esteja passando. É amor, e o amor vale a pena.

raoul-bova-e-michela-quattrociocche-in-una-suggestiva-immagine-del-film-scusa-ma-ti-chiamo-amore-51911_large

O filme também brinca com a questão da irresponsabilidade e do amadurecimento, como as vezes uma mulher, mesmo mais nova consegue amadurecer mais rápido que um homem. (Okay leitores, não me odeiem agora).

Ainda no filme, temos uma questão bem legal que eu sempre me questionei em meus relacionamentos. Quando ficou realmente chato? Quando se deixou de aproveitar todos os detalhes e sorrir?  Alex está saindo de um relacionamento e até acaba voltando e percebendo que sua vida com Nikki era mais feliz, era mais aventureira.

Nós vamos ficando chatos a cada ano, eu sou uma velha de 20 anos de idade. E isso preocupa, Scusi ma ti chiamo amore nos faz pensar nesse pequeno ponto, que pode virar seu grande problema em um relacionamento: Quanto você se dedica para fazer tudo valer a pena? Para se fazer inesquecível?

Nikki e Alex se tornaram um novo casal da minha lista de casais fofos e lindos que eu quero guardar em um potinho, porque eles não são perfeitos, cada um tem seu problema, o seu relacionamento anterior, mas no meio da dor, do caos e da rebeldia eles aprenderam a se encontrar.

Scusi ma ti chiamo amore é um filme para guardar, sorrir e não chorar. Se você também está aprendendo italiano é uma ótima dica para praticar seu vocabulário e compreensão da língua, e para quem não quer saber de italiano, ignore a tradução do título e assista a versão brasileira 😉

Você já tá seguindo o Pausa para um Café no TwitterFacebookInstagram Tumblr?

 

Leave a Comment

Leave A Comment Your email address will not be published

CRÔNICAS

sonhei com você.

Acordei hoje com um sorriso amargo. Sonhar com você está sempre repleto de dualidade, ao mesmo tempo que gosto daquela sensação de proximidade, fico triste pela saudade que bate mais forte depois de uma noite inteira sonhando com você.

Read More