IMG_5388

Uma das minhas metas em 2016 é ler mais mulheres. Minha estante estava tão cheia de escritores homens que me dava um pouco de vergonha por ler tão pouco de livros escritos por mulheres.  Comecei o ano mudando isso drasticamente e vamos ter muitas dicas pra vocês nas próximas resenhas. E depois de Margaret Mazzantini, eu embarquei na leitura de “Outros Cantos”da Maria Valéria Rezende.

O livro Outros Cantos conta a história de Maria, uma mulher que dedicou sua vida a educação no sertão durante anos difíceis e com uma delicadeza admirável intercala a dificuldade do ensino de base com memórias de amores impossíveis guardados como lembrança em uma caixinha no fundo de seu baú.

IMG_5396    IMG_5394

A autora ganhadora do Jabuti nos conta de uma forma poética e sensível sobre uma mulher determinada que viveu uma vida de sacrifícios por algo que acreditava. Ensinar para aqueles que precisavam. 

“Outros Cantos” nos conta a realidade de forma sutil, sussurrada ao pé do ouvido em meio a viagens, lembranças e chão de terra que levanta poeira e encanta com sua simplicidade. Com as orações das senhoras, a comida que é pouca e sempre dividida, a esperança das crianças que que não sabem o que fazer com um lápis de cor que ganham de presente. 

“Calei-me, e ali fiquei, escorada na parede, um nó doloroso apertando minha cabeça e meu coração, a cortina idealista que me tapava os olhos e só me permitia ver a dor infligida pela exploração do Dono e a inclemência do sol, mais a beleza dos gestos e saberes do povo, rasgando-se mais um pouco e revelando que tudo era muito mais misturado e complicado do que eu pensava”.

IMG_5393  IMG_5395

Maria tem experiência sobre o assunto que decidiu narrar, e em cada páginas temos a certeza que ela escolheu o assunto com cuidado para tocar nos brasileiros que desconhecem aquela situação. A dificuldade em ensinar quando os recursos não chegam. Colocando beleza em coisas que não costumamos observar, Maria Valéria Rezende nos mostra a realidade do Sertão nos olhos de uma senhora que volta ao tempo para lembrar de situações e pessoas com quem descobriu muitas coisas.

“Olho d’Água” nos tempos da ditadura tem muito a ensinar sobre o período da ditadura e de um Brasil que tentamos negar ter existido. Um livro sobre excluídos e abandonados que em muitas situações, são abandonados até hoje em pleno 2016.

Em seu livro “Outros Cantos”, Maria, seja a autora ou a protagonista, nos faz pensar observar e mirar nossos olhos em pequenos cantos abandonados.

IMG_5389

ISBN-13: 9788556520012 | ISBN-10: 8556520014 | Ano: 2016 | Páginas: 152 | Editora: Alfaguara

Maria Valéria Rezende nasceu em 1942, em Santos (SP), onde morou até os 18 anos. Em 1965 entrou para a Congregação de Nossa Senhora – Cônegas de Santo Agostinho. Sempre se dedicou à educação popular, primeiro na periferia de São Paulo e, a partir de 1972, no Nordeste. Viveu no meio rural de Pernambuco e da Paraíba e, desde 1986, mora em João Pessoa. Já esteve em Angola, Cuba, França e Timor, entre outros países, convidada a falar sobre seus projetos sociais. Maria Valéria estreou na ficção em 2001, com o livro de contos Vasto mundo. Depois, escreveu livros infanto-juvenis e o elogiado romance O Voo da guará vermelha. A autora, que costura referências das culturas erudita e popular, “é uma revelação em nossas letras”, como disse Frei Betto.

{ Esse livro foi enviado pela editora Alfaguara para resenha no blog. Em compromisso com o leitor, sempre informamos toda forma de publicidade realizada pelo blog

CLIQUE AQUI PARA COMPRAR 

Baci ;*

Aproveite para nos seguir nas redes sociais!
Facebook ☁ Instagram ☁ Twitter ☁ Tumblr ☁ Google +  ☁ Pinterest ☁ Youtube  Blogvin ☁ Flickr

 

Captura de Tela 2017-06-29 às 10.53.35