Booa noite pessoas! Yep, atrasei com o post, mas como minha irmã tava se mudando aqui pro meu apartamento as coisas ficaram meio confusas. Mas sem problemas, encaixo dois posts nessa semana e ficamos quites, que tal?

Então, vai parecer estranho eu colocar Bones como recomendação da semana. Oras, é uma  série que já tá na oitava temporada, todo viciado em séries que se preze já ouviu falar dela ou viu algum episódio zapeando pelos canais da TV a cabo. Mas vamos por partes, primeiro uma sinopse maneira pra quem não sabe o que diabos é Bones e depois minhas considerações.

Bones é a história de uma antropóloga forense, seu time de super duper pessoas inteligentes e um agente do FBI. Juntos, essa galerinha se mete em altas confusões resolvendo crimes bem específicos: aqueles em que resta muito pouco da vítima, várias vezes só os ossos. Daí o nome da série ser Bones, que é ‘ossos’ em inglês. AH, bones também é o apelido da Dra. Brennan, a antropóloga forense.

Agente Booth e Dra. Brennan

Sei que a série pode parecer mais um desses procedure show como CSI e Law and Order, mas ela tem um algo a mais. Imagine assim, uma boa série funciona da seguinte maneira: uma trama por episódio que compõe a trama da temporada que, por sua vez, compõe a trama da série como um todo. Por mais maneira que sejam as tramas de CSI, eu sinto muita falta daquele algo a mais que faz você se envolver com os personagens, que faz a parte científica ser uma coadjuvante na história de pessoas.

Bones TEM esse algo a mais. Quando tu tá zapeando e vê um episódio sozinho da série, ele funciona. Você entende o que tá rolando, quem são aqueles personagens e tal. Mas quando você vê uma temporada toda, seu nível de envolvimento com a história atinge níveis estratosféricos, ou pelo menos esse foi o meu caso. Eu fiquei tão ligada nos personagens, seus dramas e no ocasional romance da série que eu me pegava lacrimejando nas cenas fofas, gritando com a TV quando aquele casal não se beijava logo. É, envolvimento estratosférico.

AH, uma curiosidade legal sobre a série: ela é vagamente baseada nas obras de Kathy Reichs, que escreve livros policiais e de mistério, além de produzir a série.

E aí, vão dar uma chance pra Bones?