Sinopse: Uma morte por overdose. Um fanático estudioso da Bíblia. Um pássaro lendário. Pesadelos com zumbis. Coisas tão diferentes podem habitar a vida de uma única pessoa? Cullen Witter leva uma vida sem graça. Trabalha em uma lanchonete, tenta compreender as garotas e não é lá muito sociável. Seu irmão, Gabriel, de 15 anos, costuma ser o centro das atenções por onde passa. Mas Cullen não tem ciúmes dele. Na verdade, ele é o seu maior admirador. O desaparecimento (ou fuga?) de Gabriel fica em segundo plano diante da nova mania da cidade: o pica-pau Lázaro, que todos pensavam estar extinto e que resolveu, aparentemente, ressuscitar por aquelas bandas. Em meio a uma cidade eufórica por causa de um pássaro que talvez nem exista de verdade, Cullen sofre com a falta do irmão e deseja, mais que tudo, que os seus sonhos se tornem realidade. E bem rápido.

“Com isso, aprendemos que a morte pode nos ferir.
A morte pode nos surpreender.
Pode nos assustar.
Pode tirar o sono à noite.
Mas também aprendemos as coisas que a morte não pode fazer.
Não pode destruir nossas esperanças.
Não pode tirar o amor e o apoio de nossos amigos e de nossa família.
Não pode nos fazer perder nossa fé sem fim no mundo e em Deus.
A morte nos entristeceu, mas não vai prevalecer.”

Quando Tudo Volta” de John Correy Whaley foi um livro que me surpreendeu. Foi aquele livro que eu dei uma nota quando terminei de ler, deitei na minha cama, olhei para o teto e depois de uns 20 minutos assim eu já tinha aumentado a nota que tinha dado. Ele realmente conseguiu me conquistar, só é difícil descobrir isso.

IMG_3472

Eu me surpreendi tanto com “Quando Tudo Volta” que logo nos primeiros momentos após ler o livro eu não conseguia entender o que ele representaria para mim.

Quem acompanha o blog desde algum tempo sabe que eu e meu irmão temos um carinho muito especial um pelo outro. É quase como se fossemos gêmeos, mas de datas diferentes e com cinco anos de diferença. O Gus é tudo para mim e eu realmente não sei viver sem ter ele para contar.

Então… podem imaginar a minha surpresa quando a história de “Quando Tudo Volta” mostra muito do companheirismo de dois irmãos que aprenderam com a vida a se unir, a ser amigos e que o “estar perto” é muitas vezes a única coisa que você tem na vida.

Quando Tudo Volta” se mostra um livro confuso, mas no final… e que final! Tudo se resolve. E a resolução não poderia ser mais simples e verdadeira. Uma confusão que poderia muito ter acontecido milhares de vezes na vida real.

O livro pode deixar muito leitor decepcionado, pois John coloca vários elementos durante a narrativa para “confundir” o leitor que espera que eles sejam importantes de outra forma no decorrer da história e … isso não vai acontecer da forma com que sua cabeça está imaginando. Não MESMO!

A história vai tomando rumos diferentes, confusos, inesperados, sentimentais e principalmente surpreendentes. Você fica agarrado na história e por mais que esteja com um pé atrás sobre o que está por vir, não consegue parar de ler.

IMG_3479

IMG_3478

IMG_3473

IMG_3469

IMG_3474

Quando Tudo Volta” é o estilo de livro que vai tocar cada leitor de uma forma diferente, cada um vai ter uma experiência única e completamente diferente, vai se impressionar com um personagem específico e muitas vezes pode acabar se contradizendo com o que gosta ou não. Pois, se você ler esse livro daqui há 10 anos… vai ser um livro completamente diferente.

Apenas uma coisa não me deixou dar a nota máxima para “Quando Tudo Volta“: Sua passagem de tempo. Ela é muito confusa e em alguns momentos para perceber que aquilo estava sendo contado no “passado” eu precisava voltar e ler novamente aquele capítulo.

Quando Tudo Volta” é um livro que fala sobre família, aprender a lidar com as diferenças, voltar e se arrepender, partir e se arrepender, ficar parado e ver o mundo acontecer. “Quando Tudo Volta” ganha a mente, o coração e os céus. Deem uma chance. ?

IMG_3476

IMG_3475

Eu amei a edição e o cuidado que a Novo Conceito teve com essa publicação. A arte gráfica está linda! E olha que geralmente eu não gosto das edições da NC.
Ps: captaram a referência aos cartazes dos filmes do Hitchcock na capa do livro?

IMG_3470

Edição: 1 | Editora: Novo Conceito | ISBN: 9788581633848 | Ano: 2014 | Páginas: 224

Nota: 4/5

Comprar: Saraiva | Travessa | FNAC

post