Março foi o mês de voltar com algumas séries. Não foi tão bom quanto eu desejava, mas foi um mês feliz. Vamos conferir algumas dessas séries e aproveitar umas indicações.

FRINGE

É apenas a série que eu mais amo na vida. Voltar a assistir a série (e completar a minha coleção de DVD’s foi uma das coisas que mais me deixou feliz em março.

Para quem não conhece, Fringe é uma série de fição científica/viagem no tempo que fala sobre família, amor entre pais e filhos e aprender a superar os problemas que encontramos pelo caminho. Com personagens incríveis a série do J.J. Abrans continua igualzinha ao que eu me lembrava e só prova que para sempre eu vou amar.

Comecei a primeira temporada que de todas as temporadas de Fringe é a mais “estranha”. Na primeira temporada eles não sabiam se a série iria continuar. Então são episódios que não tem tanta importância no futuro da série, mas já nos indicava o que Fringe seria no futuro. Que felizmente durou por cinco maravilhosas temporadas.

THE WHITE COLLAR

Uma série que assisti um episódio para tentar voltar da onde eu tinha parado alguns anos atrás e não deu. Ao contrário de Fringe, White Collar não vai morar no meu coração para sempre. A questão da série não me surpreende, nem me conquista mais. Fiquei um pouco decepcionada e abandonei de vez Neil Caffrey e seus quadros falsificados.

ONCE UPON A TIME

Terminei a quarta temporada finalmente e já comecei a quinta. Fiquei feliz com a forma com que estão trabalhando a série e a temática mais pesada que eles conseguem transmitir em alguns episódios sem perder a essência dos personagens principais. Tenho gostado cada vez mais do Capitão Gancho e acho que ele é um dos personagens mais fortes nessa temporada para que eles desenvolvam. Só alegrias por enquanto espero sinceramente que continue assim!

Agora aproveitem para me contar, quais foram suas paixões e decepções nas séries de tv nesse mês de Março.

Aproveite para nos seguir nas redes sociais!

Facebook Instagram Twitter Tumblr Google +  ? Pinterest Youtube  ?Blogvin Flickr