Menu
Literatura Nacional

“After School of the Earth” é o eterno período após a aula!

Afterschool of the Earth foi lançado lá no Japão em 2009. Mas até um tempinho atrás eu nunca tinha ouvido falar dele. Dei uma pesquisada e descobri que muuuuita gente também não. Ou seja, por aqui ele é todo novidade.

Algumas pessoas não curtiram a ideia da JBC trazer um mangá desconhecido, mas eu curti bastante ler sem saber absolutamente nada do que estava por vir. Acho que se você vai ler Afterschool, deveria fazer isso com o mesmo sentimento que eu tive. Dá uma chance pra ele.

Já que o título não é famoso e eu posso falar o que eu quiser, vamos por partes.

IMG_1195

Parte 1 – A história.

É o seguinte: há uns dois anos, eventos estranhos começaram a acontecer na Terra. Uns seres bizarros chamados Phantoms sumiram com todas as pessoas do mundo. Quer dizer, sobraram quatro: Masashi, um piá gente boa e esforçado. Parece saber um pouco de tudo e assumiu a responsabilidade de cuidar das outras três sobreviventes, que são Anna, Yaeko e Sanae. Cada uma com personalidades bem distintas, mas que se completam e se entendem.

Assim, eles vão sobrevivendo numa Terra vazia, esperando pelo dia que o restante da humanidade volte. O mangá é um slice of life (conta o dia-a-dia), mas que mistura ficção, drama, comédia e safadeza.

Tem muita mão no peito e peito na mão, piadas soft porn e pelo jeito é voltado pra um público não tão novinho, já que conta também os conflitos pessoais dos personagens, suas angústias e o medo de ficarem sozinhos para sempre, nesse eterno período depois da aula, quando não tem nada pra fazer e o único jeito é aguardar o dia seguinte.

Nesse primeiro volume a gente vê a relação entre os quatro, como eles se adaptaram a tudo (inclusive uns aos outros) e um pouco do passado antes de se encontrarem. (O momento em que o Masashi relembra a garota que ele gostava é bem bonitinha).

Parte 2 – Do mangá.

IMG_1194

After school of the Earth (ou Chikyuu no Houkago, em japonês) é uma criação de Akihito Yoshitomi (mais conhecido por Eat Man), composto por seis volumes. Tem algumas páginas coloridas (quatro) e as demais em preto e branco mesmo. Os traços do mangá são simples, nada muito elaborado, mas ainda assim é bem bonito e limpo. Fiquei pensando, se o mundo tá vazio, nem tinha porque ser muito elaborado, né?

Parte 3 – O que eu achei.

No começo eu fiquei meio cabreira porque a história não é muito agitada, mas aí eu resolvi parar de ser besta e me inserir no contexto de tudo (Terra desolada, só quatro adolescentes, etc). E eu acho que vale a pena investir um tempo – e 14 reais – pra ler sim. Você se envolve com os personagens e acaba ficando curioso pra saber o que diabos aconteceu, pra onde foi todo mundo, se vai rolar uns beijinhos, etc. A leitura é fluida, a tradução tá impecável e a premissa da história é massa.

IMG_1192

Nº total de edições: 06 volumes | Formato: 13,5 cm X 20,5 cm | Cerca de 190 páginas + 04 coloridas | Preço: R$ 13,90 | Classificação etária: 14 anos

editoras

CLIQUE AQUI PARA COMPRAR 

Baci ;*

Aproveite para nos seguir nas redes sociais! Facebook Instagram Twitter Tumblr Google +  ? Pinterest Youtube  ?Blogvin Flickr

About Author

Depois que eu nasci a vida foi só ladeira abaixo. Sou formada em design gráfico e especialista em arranjar briga, mesmo quando tô dormindo. Falo isso para o meu psiquiatra, mas é claro, ele não entende.

No Comments

    Leave a Reply

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.