Menu

Se você não joga videogames, provavelmente já ouviu falar de GTA. Se você joga videogames, com certeza já jogou GTA. É um daqueles títulos inevitáveis, por várias razões, desde ser o jogo onde você sai tocando o terror na cidade até aquele das polêmicas com uso de armas, drogas, morais questionáveis, etc. Faz cinco anos desde que o último grande episódio de GTA foi lançado e, quando a Rockstar anunciou esse novo título, as expectativas não poderiam ser menores que o próprio Everest. Prometendo um retorno às raízes, um mapa maior que San Andreas, IV e Red Dead Redemption combinados e três protagonistas que podem ser alternados a qualquer momento do game, GTA V é o maior e mais ambicioso projeto da Rockstar e esta não é de brincar em serviço, pois trouxe tudo que prometeu e ainda mais.

Há muito o que explorar em GTA V

Há muito o que explorar em GTA V

Eu tenho um relacionamento especial com GTA San Andreas, pelo fato do mapa não conter apenas uma grande metrópole, mas sim lagos, desertos, montanhas, enfim, um ambiente mais “selvagem” pra ser explorado. GTA V traz isso de volta, com um mundo vivo e ENORME para ser explorado, sem dizer que a cidade de Los Santos parece mais viva do que nunca, com uma atenção aos detalhes que varia desde asfalto recapeado até becos e lugares menores que você pode entrar e acabar se deparando com uma venda ilegal de drogas, onde os traficantes vão te ver, se assustar e abrir fogo. Há tanta coisa pra se fazer, mas tanta coisa, que no começo do game eu me senti como quando comecei Skyrim, intimidado, perdido, querendo fazer tudo ao mesmo tempo. Eu até demorei pra sair da cidade e ver a minha parte preferida do mapa, pois a própria cidade chama muita atenção. Eu sei que você deve imaginar que o propósito de GTA é roubar carros e dirigir loucamente, mas tome o tempo de andar pela cidade e prestar atenção na gama de detalhes que a Rockstar colocou nesse título.

Falando sobre os três protagonistas, é algo sem dúvidas inovador para nossa época. Já vimos múltiplos protagonistas em jogos anteriormente, mas nunca tão bem desenvolvidos como em GTA V. Michael é um grande bandido aposentado que resolve voltar à vida do crime por conta de endividamentos e seu dinheiro guardado de seu “nobre trabalho” estar acabando; Franklin é um malandro convencido de que esta cercado por imbecis e decide crescer na vida do crime, ser mais, alcançar mais; Trevor é um psicopata maluco (maluco mesmo, lelé da cuca, LOUCO) e que não conseguiu abandonar a vida do crime. Quando o enredo junta os três protagonistas, você pode trocar para qualquer um deles a qualquer momento, isso da um toque único ao game. Você pode estar correndo com um carro por aí com Franklin e resolve mudar para Michael e vai controla-lo exatamente em um momento onde ele pode estar em uma corrida de bicicleta, ou se escolher Trevor, pode acontecer de encontrá-lo bêbado, de cueca, em cima de uma montanha (!). As possibilidades são quase infinitas e as missões que envolvem os três juntos são diversão total, com certeza. Se pararmos pra analisar bem, os três representam a própria história da série GTA: uma franquia antiga que já teve seu momento de glória, mas que esta sempre pronta pra voltar à ativa quando necessário; uma franquia que sempre que da as caras, surpreende e é sempre mais que as outras do gênero; uma franquia que é pura polêmica e controvérsia, beirando a loucura.

Como disse antes, o mapa é enorme, enorme MESMO. Você terá a cidade de Los Santos como principal, mas poderá encontrar municípios menores em outros cantos do mapa. As montanhas dão uma real sensação de altitude, há vida selvagem agora, o que significa que você pode dar uma de caçador (ou ser a caça), os aviões voltaram e com eles, os paraquedas, você pode até controlar um dirigível, investir na bolsa de valores, tirar fotos de si mesmo ou do mundo, explorar o mundo aquático para achar tesouros, enfim, há muito com o que perder seu tempo em Los Santos. Não podemos esquecer que esse título trará consigo GTA Online, que não posso falar nada pois ao tempo desta análise, ainda não pude jogar esse bônus, mas acho que já é de se esperar o mais puro significado de CAOS.

O nível de detalhes e liberdade é impressionante

O nível de detalhes e liberdade é impressionante

Os visuais estão ótimos, um grande incremento desde GTA IV, fazendo o mundo parecer mais real. Há os ocasionais bugs, mas são quase irrelevantes, e até compreensíveis, com um jogo dessa magnitude. Eu poderia fazer um texto enorme sobre o game, mas não faria jus ao título, é um daquelas experiências que você tem que passar por si mesmo. Não importando seu posicionamento sobre as temáticas do game, você deve a si mesmo pelo menos algumas horas com GTA V, se por um acaso não gostar de todas as atividades propostas pelo game que não envolvam matar, extorquir, torturar, vadiar, etc, você pelo menos será mais crítico em seus argumentos. GTA V esta disponível para PS3 e XBOX 360 e recebe cinco xícaras do melhor café de Los Santos.

 

About Author

Olá, meu nome é Jhonatan Ferreira Gomes. Sou formado em Psicologia pela Universidade do Sagrado Coração. Meu interesse está na aera comportamental, neurociências e aprendizagem. Sou um amante da arte visual e interativa dos videogames, além de todas as outras páreas da cultura nerd e me proponho a dialogar com você os motivos desse amor. Tenha um excelente dia e continue sendo incrível! Email para contato: jhowfg@gmail.com

No Comments

    Leave a Reply

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.