Menu
Literatura Nacional

Editora Penguin suspende acordos com Apple sobre ebooks

O cerco se fecha e na última quinta-feira a União Européia aceitou a decisão da Editora Penguin de abandonar os acordos sobre ebooks acertados com a Apple que fixam limites de preço com a Amazon e outras varejistas, encerrando um caso antitruste contra a companhia.

A Penguin ofereceu em abril suspender os contratos por cinco anos. Os acordos incluíam cláusulas que impedem que varejistas rivais vendam livros digitais a preços menores do que os vendidos pela Apple. A editora também propôs aos  varejistas que agora poderiam estabelecer preços ou descontos por um período de dois anos.

Depois de nossa decisão de dezembro de 2012, os compromissos estão agora em vigor para Apple e todas as cincos editoras, incluindo a Penguin, restaurando um ambiente competitivo no mercado de ebooks”, disse o comissário europeu de competição, Joaquín Almunia.

FONTE

About Author

Criadora do @pausaparaumcafe, social media, formada em marketing, rata de biblioteca, intolerante à lactose e a pessoas de mau humor.

No Comments

    Leave a Reply

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.