Vídeos Segunda, Quarta e Sexta.   SE INSCREVA

Search

Por que Revenge fez escola?

Vocês já devem ter notado que tá passando Revenge na Globo, não? Claro que sim, a Sony já fez vídeo sarcástico sobre, alguém já comentou que ‘pelo menos não traduziram o nome da série’ ou que ‘que dublagem estranha’. Mas… por que Revenge tá na Globo? De todo um mundo de séries, por que justamente esta?

Tenham em mente que esse post aqui é uma pequena reflexão sobre algo que eu reparei em relação à Revenge: começou como uma série tímida, um proposta não muito bem definida. A primeira vez que eu vi jurei que ia parar na primeira temporada, mas a história engrenou e fisgou tantos espectadores que já estamos caminhando para o final da segunda temporada. Qualquer série bem sucedida vira ícone para outras, falei disso no séries 101, só que Revenge inspirou pseudo-cópias! Vamos à dois exemplos, os que mais me chamam atenção:

Deception: história de uma policial que se infiltra na família de uma antiga amiga, que é pode de rica, para investigar a morte da dita amiga. Pode não parecer muito com a trama de Amanda Clarke, mas a vibe de vingança está lá, os podres inacreditáveis de famílias ricas estão lá, o estilo de vida luxuoso também. TUDO está lá, menos a originalidade cof cof. A primeira temporada teve 11 episódios e eu acho que a série foi cancelada que bom, não consegui encontrar informações.

Avenida Brasil: oioioi! Sim, essa é sem duvida a maior cópia de Revenge que eu conheço, e nem venham com ‘mas como moça, valorize seu país e etc’. Se tu não assistiu a novela inteira, como eu, abre a wikipedia e lê o enredo. O núcleo da trama, o coração do negócio é basicamente uma versão tupiniquim da série americana. O que me leva ao seguinte ponto: acho que Revenge foi pra Globo justamente pelo sucesso que Avenida Brasil fez, mas já aviso que vai ser tiro no pé por causa do horário que tá sendo exibido.

Emily/Amanda dyva, ryca e sapateando na cara das recalcadas

Deception falhou por que foi lançada lá fora, onde Revenge faz um sucesso considerável e tem bastante público. A audiência não perdoa cópia ou inspirações muito forçadas. Avenida Brasil ficou por que enquanto 98% dos lares tem acesso à TV, nem todos tem acesso ao canal Sony ou uma internet decente para baixar adquirir a série.

Isso não é uma crítica ao povo brasileiro, jamais. É uma critica aos escritores e roteiristas das duas adaptações, pela falta de originalidade, e uma salva de palmas de pé para os criadores de Revenge, que sapatearam na cara da sociedade e das recalcadas!

O que vocês acham? Gostam de Revenge? Assistem? Querem uma crítica sobre a segunda temporada da série quando ela acabar?

10 livros para ler antes do vestibular Halloween: 5 livros de terror na literatura 5 livros para começar a ler clássicos Personagens LITERÁRIOS para inspirar seus personagens de RPG! Ideias para suas mesas de D&D sairem da mesmisse!