[Resenha] 2083 de Vicente Muñoz Puelles | @EditoraBiruta - Seu site sobre Literatura e RPG

Vídeos Segunda, Quarta e Sexta.   SE INSCREVA

Search

[Resenha] 2083 de Vicente Muñoz Puelles | @EditoraBiruta

Anúncios

  2083

Autor: Vicente Muñoz Puelles
ISBN: 9788578480431
Páginas: 112
Edição: 1
Tipo de capa: Brochura
Editora: Biruta
Ano: 2010
Assunto: Infanto-Juvenil

Compare PreçosDe: R$ 24,00 até: R$ 32,00 

Anúncios

Sinopse:  O fim dos livros de papel e tinta está próximo. Restarão poucos exemplares: as antiguidades valiosas ou as relíquias de família.
Verdade? Ilusão? Fantasia?
Imagine-se agora em 2083 e surpreenda-se: o livro eletrônico também não existe mais. O que restou das histórias e dos autores que admiramos? Desapareceram sem deixar vestígios? Não! Seria impossível destruir os textos que nos emocionaram, que nos fizeram viver melhor e nos tornaram mais humanos.
Não se desespere, todos sobreviveram e você poderá conhecê-los bem perto, numa viagem de turismo… no modo amplificador de inteligência. Embarque na bibliotravel.

Resenha do Livro 2083

FonteImagem: http://dobrasdaleitura.blogspot.com.br/

Esse livro é uma ótima reflexão sobre o futuro dos livros. Quando eu li sua sinopse e pedi ele para a Editora Biruta esperava um livro diferente para crianças que falasse de uma forma diferente do que vemos aqui.

Anúncios

O livro trás uma análise sobre uma época (não tão longe da nossa…2083) onde  os livros não existem mais, onde as pessoas não leem mais.

JÁ IMAGINOU ISSO?  

Bem, isso pode estar mais perto de acontecer do que imaginamos. É legal ver eventos como a Bienal do Livro que esta tendo em SP e ver tanta gente lá, participando, comprando livros, lendo…. mas comparado ao tamanho do Brasil… É muita pouca gente lá não é mesmo?

Anúncios

E esse livro faz esse alerta, nos mostra como seria esse mundo tão tecnologico que os livros não existem mais, onde o simples contato com o ar pode fazer as páginas de seu livro preferido virar cinzas.

“Senti muito orgulho. Os livros podiam não ser mais impressos, mas eu descendia de um daqueles inventores de histórias que, antes de serem esquecidos, tinham fascinado os antigos leitores. ” Pag 15

Ele nos mostra um mundo onde ninguém dos que leem esse blog pelo menos, gostaria de viver. E é com esse cenário que o autor leva o mundo a uma viagem para dentro dos livros.

É um livro falando de livros e viagens dentro de livros (inception oi? o.O). Mas isso é incrível, o livro é doce, calmo e até mesmo divertido.

Anúncios

Uma leitura fácil, tranquila e em um dia você lê tranquilamente este livro. É o livro para ler para o(a) filho(a), dar de presente para o(a) sobrinho(a) e afilhado(a).

O livro é super recomendado! Com certeza um que merece 4 xícaras de café quentinho!

– Aproveite para participar do #TOPComentarista de Agosto comentando nesse post!
Anúncios

Sair da versão mobile