Menu
Literatura

[Resenha] A Playlist da Minha Vida de Leila Sales | @globolivros

 Sinopse: Elise Dembowski nunca foi popular na escola. Ninguém conversava com ela na hora do intervalo nem a convidava para sair no fim de semana. Pior. Ninguém jamais se interessou em saber o que tanto a ela escutava em seu iPod: playlists com o melhor da música pop, único território em que Elise se sente confortável e confiante. Diante de seu desajuste em relação à maioria, a adolescente tenta de tudo – inclusive a mais radical das saídas, felizmente sem sucesso. No auge de seu solitário desespero, o acaso a leva até a porta de uma balada noturna, via de acesso para um mundo completamente novo, cheio de som e diversão, no qual sua veneração por música funciona como senha para inclusão em um inédito círculo de amizades. As festas noturnas do Start – o melhor clube underground do mundo – tornam-se o lugar onde a felicidade, a aceitação social e até o amor são possíveis para Elise. Não demora muito para que um misterioso bullying eletrônico e a habilidade da garota como DJ coloquem em confronto este universo com a dura realidade cotidiana. A playlist da minha vida é uma vibrante fábula pop que lida com temas recorrentes nas obras contemporâneas para jovens: exclusão, invasão de privacidade, resgate de autoestima e muita trilha sonora. Escrito pela americana Leila Sales, o livro se ambienta em dois cenários: o escolar, com sua dinâmica de poder juvenil baseada em “popularidade”, e o da cena noturna, em que adolescentes ensaiam seus primeiros voos para uma existência adulta. 

Existem todas essas regras que você precisa seguir simplesmente para ser alguém. Sabe como é? Você deve carregar uma bolsa, não uma mochila. Você deve usar bandanas, ou não bandanas. (…) Você não deve ficar com um garoto, mesmo que ele queira isso. Eu não entendo essas coisas. Há muitas regras e elas não fazem o menor sentido. E não consigo aprender a lidar com todas elas.

 Eu gosto muito de ler livros adolescentes. Eles me levam de volta para o tempo que eu não aproveitei muito, nem o quanto eu poderia. Mas ao mesmo tempo, foi provavelmente o tempo mais feliz que vivi até o momento e é sempre bom voltar para lembrar das travessuras no colégio (olha eu falando igual velha).

IMG_0682

Eu tenho algumas ressalvas sobre esse livro, mas no geral, eu gostei. O livro tem uma discussão grande sobre bullying e preconceito, tem um trabalho de desenvolvimento de personagem e de família de personagem bem interessante e claro, tem uma ótima trilha sonora.

Com uma questão muito relevante mas muito capciosa, o livro começa com questões ótimas, mas que em alguns pontos, ao meu ver, não foram tratadas com a sensibilidade necessária. O livro fala de um assunto muito sério e aquilo fica um pouco sem consequência, okay, tem uma certa consequência a longo prazo, mas na hora fica meio estranho. E como pode ser um jeito de deixar isso mais “normal” para os adolescentes. Me incomodou bastante.

Fora essas questões com os cortes e o trabalho que foi feito com a questão da vontade pelo suicídio, o livro caminha de uma forma relativamente leve e com questões cotidianas. O quando o colégio pode ser uma grande bosta para quem não é popular e como é difícil se encaixar. Mas que isso não é um problema quando você encontra a sua turminha, os seus amigos de verdade.

IMG_0683

O livro é bem “noturno” e isso me agradou bastante, acho legal quando a história sai do dia e se passa quando as estrelas estão no céu, acho que muda bastante a perspectiva. Achei que a descrição ficou um pouco falha em algumas coisas e poderia ter mais explicação de como é a baladinha por exemplo.

 – E o que você tem? Talento ou problemas?
Parei por um momento e pensei a respeito.
– Os dois — eu disse finalmente.

Em suma, o livro se torna divertido e faz você pensar, até mesmo voltar no tempo e lembrar das suas peripécias adolescentes, da paixão, das meninas chatas que você odiava e até dos pais que as vezes, são mais crianças que nós mesmos.

IMG_0685

A edição da editora globo ficou bem jovem, colorida e divertida. A diagramação ficou muito bacana, mas faltou uma playlist com todas as musicas citadas no livro lá no final, para que pudêssemos acessar com mais facilidade.

IMG_0684

Edição: 1 | Editora: Globo Livros | ISBN: 9788525057549 | Ano: 2014 | Páginas: 312 

Nota: 3/5

Comprar: no Submarino 

post
Baci! ;*
Aproveite para nos seguir nas redes sociais!
Facebook Instagram Twitter Tumblr Google +

About Author

Criadora do @pausaparaumcafe, social media, formada em marketing, rata de biblioteca, intolerante à lactose e a pessoas de mau humor.

No Comments

    Leave a Reply

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.