Menu
Literatura

Resenha – Emmi e Leo, de Daniel Glattauer | @Suma_br

Emmi & Leo: a sétima onda é a sequência dessa história tão intrigante quanto inusitada e que surgiu por erro de endereçamento no envio de um email. Na atual etapa, Leo Leike retorna de Boston após uma longa ausência, e é recebido por uma caixa de emails lotada de notícias de Emmi Rothner. O sentimento dos dois não mudou, e eles reiniciam a troca de mensagens. Só que agora Leo está namorando a americana Pamela, e Emmi continua casada. A orgulhosa Emmi e o tímido Leo nunca estiveram tão próximos, e ao mesmo tempo tão distantes.

Emmi e Leo é a sequência de @mor, que você pode conferir minha resenha nesse link.

@mor apresenta uma dinâmica na forma de contar a história muito interessante, onde todo o livro é apenas os e-mails que os protagonistas trocam entre si. E Emmi e Leo continua nessa mesma formula, só que por conta dos acontecimentos do primeiro livro e desse, só os e-mails fica pouco.

Isso entra em outro ponto, o livro não necessitava existir. O livro não é ruim, mas não havia a necessidade dele. Um único livro, um pouco maior, seria muito melhor, a formula não chegaria a cansar, e o livro seria muito mais conciso. O livro precisa de uma desculpa pra existir, e ele fica nela grande parte do livro, ele demora para engrenar.

Eu fiquei um pouco decepcionado com os protagonistas na continuação. No primeiro livro você até entende a relutância deles em manterem uma “distancia” entre os dois, mas depois de tudo que aconteceu no primeiro livro, eles continuam criando barreiras entre eles que não precisavam existir mais.

A historia segue exatamente da onde o primeiro terminou, e é dado uma desculpa fraca para a história entre os dois poder continuar depois do final de @mor. Depois disso ela segue o mesmo padrão do primeiro livro, os dois voltam a trocar e-mails, chega um ponto eles decidem parar, não conseguem e assim vai.

O que mais me incomodou na historia em si é a falta de comunicação entre os dois, no primeiro existem motivos para nem tudo ser dito, agora não. Isso é usado como recurso pra simplesmente atrasar a historia e poder ter outro livro.

Novamente, o livro não é ruim, mas poderia ser melhor. Com o final do primeiro livro, esse segundo poderia ser algo muito maior, ele poderia evoluir toda a dinâmica dos dois, mas ele escolheu voltar pro mesmo ponto, isso é o que mais me decepcionou.

 

No Comments

    Leave a Reply

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.