Menu
Literatura

[Resenha] Fama e Loucura de Neil Strauss | Editora Best Seller

Sinopse: Em Fama e Loucura, Neil Strauss (que já trabalhou por mais de vinte anos em algumas das maiores publicações do mundo — como o jornal The New York Times e a revista Rolling Stone) revela 228 entrevistas com alguns dos maiores nomes da música, do cinema e da TV que nunca chegaram a ser publicadas, mostrando os momentos mais insanos e as experiências mais incomuns que já teve com pessoas famosas. Acompanhe as aventuras do autor, enquanto ele bebe com Bruce Springsteen, janta com Gwen Stefani, entra na mesma banheira que Marilyn Manson, fala sobre fama com David Bowie e muito mais. 

 Se pode conhecer muito de uma pessoa em um minuto, principalmente se for o um minuto certo.

Eu amo biografias, já disse isso por aqui. Adorei ler a biografia Nada Censurado do Clint Eastwood e a Mais Pesado que o Céu do Kurt Cobain. Só que eu nunca tinha lido um livro de entrevistas antes e achei muito curioso a forma com que Neil Strauss estruturou tudo como uma grande peça, um grande show, para mostrar a nós leitores que a vida também é uma grande peça.

IMG_9409

Neil Strauss entrevistou tanta gente que eu gostaria de conhecer que é incrível. Desde Justin Timberlake ao meu grande amor platônico Johnny Cash.

Com boas doses de humor e algumas entrevistas um tanto quanto perturbadas, sob o olhar de Neil Strauss conhecemos um pouco mais de nossos astros preferidos e o que eles tem para contar em suas entrevistas, o que se passa por trás das gravações e o que envolve toda aquela conversa.

Neil também te ambienta um pouco  antes de começar a entrevista. Ele conta como surgiu a ideia e antes de cada entrevista ele te conta como estava o dia, como foi o contato com o artista e o motivo da entrevista. Achei isso muito legal e te ajuda a entrar no espírito do momento antes de começar a te jogar informação sem ter explicado nada.

IMG_9403
IMG_9407

Uma das coisas que chama mais atenção no livro é toda a sua diagramação. Eu queria tirar foto de todas as páginas, pois são fantásticas! Seguem desde a temática jornal até cartazes de shows.

É inegável o quanto a parte gráfica desse livro é LINDA, eu só gostaria que a capa fosse em outras cores, acho que um preto e branco combinaria mais.

Como não temos uma história e sim frases de uma vida, não tenho muito para falar para vocês além de que vocês precisam se preparar, vocês podem terminar o livro amando algumas pessoas que você não esperava amar, e odiando algumas pessoas que você já amou. A opinião das pessoas são coisas perigosas e aqui temos um livro muito capcioso, mas muito bom para ser lido por qualquer um que tem interesse por conhecer ainda mais as pessoas da qual gosta.

IMG_9408

IMG_9410
IMG_9411
IMG_9412
IMG_9413
IMG_9414
IMG_9415

IMG_9416

IMG_9417

O livro foi publicado pela Editora Best Seller e tem 552 páginas, tem muito conteúdo para você, mas não se assunte. Muitas páginas tem ilustrações o que faz praticamente o livro cair para umas 500 páginas. O que é bom, pois te distrai durante a leitura e faz ela ficar mais leve e prazerosa.

IMG_9418
IMG_9419

Edição: 1 | Editora: Best Seller |ISBN: 9788576846031 |Ano: 2014 | Páginas: 552  

Nota: 5/5

Comprar: Cultura | Travessa

Aproveite para nos seguir nas redes sociais!
Facebook Instagram Twitter Tumblr Google +

post

About Author

Criadora do @pausaparaumcafe, social media, formada em marketing, rata de biblioteca, intolerante à lactose e a pessoas de mau humor.

5 Comments

  • Raquel Moritz
    26 de agosto de 2014 at 10:06

    Meeeeeh, que dahora! Adorei, Anna 🙂 Achei que você não gostava de biografias (lembro dum papo que vc comentou que gostava das histórias, não de saber de quem as escreve), mas talvez se aplicasse só a autores literários, num sei, rsrsrs.

    Bem maneiro, to curiosa pra ler, adoro livro de entrevistas. Tenho um do Kubrick que é sensacional, e o do Hitchcock também não fica pra trás. A gente aprende muito sobre eles. :)))

    Beijoca ?

    Reply
    • Anna Schermak
      26 de agosto de 2014 at 10:12

      Gosto de biografia de gente morta hehehehe, mas isso se aplica aos autores, geralmente eles não tem vidas legais, agora cantores geralmente são interessantes.

      Reply
  • Kellen
    26 de agosto de 2014 at 10:21

    Eu tenho muita dificuldade pra ler biografias, então só leio quando gosto muito de quem ta sendo retratado no livro…mas achei bem interessante esse formato de entrevista! 🙂

    A diagramação é linda mesmo, vi esse livro na leitura dia desses e não fosse a falta de grana na carteira teria comprado. Bom saber que o livro é bacana assim!
    Beijos Anna =)

    Reply
  • Nicolas Ueda
    29 de agosto de 2014 at 03:08

    Cara, que diagramação demais!

    Uma boa dica também, que meio que tem a ver com a temática, é o filme Quase Famosos, do Camaron Crowe. Conta a história de um jovem jornalista da Rolling Stones, que sai junto com em uma turnê com uma banda de rock dos anos 70. É muito bom o filme, mesmo.

    Reply
    • Anna Schermak
      29 de agosto de 2014 at 08:25

      Dica anotada! Vou assistir. Adoro filmes sobre música.

      Reply

Deixe um comentário para Anna Schermak Cancel Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.