Menu
Literatura

[Resenha] Lágrima Teardrop – Livro 01- de Lauren Kate | @galerarecord

Edição: 1
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501403971
Ano: 2013
Páginas: 336

Sinopse: Depois de perder a mãe em um acidente no mar, Eureka acha que nunca mais voltará a sorrir. E a promessa que fez à mãe – a de nunca mais chorar – se torna quase impossível… até conhecer Ander. Louro, alto e de pele muito branca, o rapaz parece estar em todos os lugares e saber coisas que não deveria sobre Eureka. Inclusive um estranho segredo relacionado às suas lágrimas e aos três artefatos que herdou da mãe: uma carta, uma pedra e um misterioso livro que conta a história de uma menina com o coração partido. Ela chorou tanto que deixou debaixo d´água um continente inteiro. Logo Eureka vai descobrir que a antiga lenda é mais que uma história, que Ander pode estar dizendo a verdade e que sua vida pode ter um curso mais sombrio do que ela imaginou

————————

Bom, depois de superar uma rixa com a Lauren Kate, por causa da série Fallen, decidi dar uma chance para Teardrop, pois a sinopse realmente me chamou a atenção. A capa é linda e criativa.

Comecei o livro animada, e a premissa da história me agradava, porém, uma coisa me deixou com a “pulga atrás da orelha”: O nome da protagonista é Eureka. Eureka! Que tipo de nome é esse? Mas tentei superar isso e continuei.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Eureka perdeu a mãe em um acidente inexplicável, enquanto o carro atravessa uma ponte, e uma enorme onda surgiu do nada e as afogou. Porém, com a ajuda de um “anjo da guarda”, Eureka consegue sair do carro e permanecer viva.  As duas tinham um relacionamento mais que maravilhoso. Uma era companheira da outra, e depois da tragédia, Eureka esquece o sentido da vida.

E o pior de tudo: ela não pode chorar. Apesar de ter perdido sua mãe, melhor amiga, e companheira, ela não pode derramar nenhuma lágrima. Ela não sabe exatamente o porquê disso, mas sua mãe a fez prometer, e ela obedecerá.

Nessa nova vida, onde ela está totalmente deslocada dentro de sua família, com um pai descuidado e uma madrasta, com a qual ela não se dá muito bem, surge uma pessoa. Ander.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Também é um mistério para o leitor saber o que aquele rapaz pretende. Ele não está ali por acaso do destino. Porém, nós sabemos mais sobre ele do que a nossa protagonista:

“Ele sabia tudo sobre ela. Iria gabaritar todas as questões em uma prova sobre suas complexidades. Ele a observava desde o 29 de fevereiro em que ela nasceu. Todos os Semeadores a vigiavam. Ele a observava desde antes de ele ou ela saberem falar. Eles nunca se falaram. Ela era a vida dele. Ele tinha de matá-la.” – (Pág. 11).

As histórias começam a fazer mais sentido depois do encontro dos dois, e ela vai perceber que talvez, a vida ainda pode ter um sentido. E seu coração pode voltar a bater.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Ok Lauren Kate, você me convenceu. Gostei do livro. A mitologia criada em cima da história de Atlântica realmente prende a atenção do leitor, e o final nos deixa com sede do próximo.

1 Comment

  • Paulo
    9 de janeiro de 2014 at 23:48

    Oi Vânia e pessoal do Pausa, nossa amo esta capa, a editora fez um trabalho incrível, amei!
    Adorei a resenha, ficou curta e ótima! Comprei o livro, estou muito ansioso para que chegue logo! Quero ler!!!
    Amei a resenha ficou bem explicativa, me deixou ainda + curioso rsrrs
    Beijos
    http://www.umsonholiterario.com/

    Reply

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.