Menu
Literatura

[Resenha] Led Zeppelin: Quando os gigantes caminhavam sobre a Terra. de Mick Wall| @Editora_Lafonte

Led Zeppelin – Quando os Gigantes Caminhavam sobre a Terra, é uma biografia extraordinária da que foi, em minha opinião, a maior banda de rock’n’roll de todos os tempos. Escrito por Mick Wall, que é autor de outras obras biográficas de grandes bandas como Iron Maiden e Ozzy Osbourne descrevem de maneira aconchegante e divertida a história do Led Zeppelin, desde o embrião da ideia atrás da formação da banda, passando por todos os fatos que fizeram desta um monstro incontrolável, sua queda, até sua triste “morte”. A biografia é contada com a descrição de momentos passados pela banda, shows, diversão com tietes, a velha relação “sexo, drogas e rock’n roll”, com partes onde são descritas em primeira pessoa na visão dos quatro integrantes da banda mais o quinto e não menos importante elemento, Peter Grant, empresário e produtor executivo do Led Zeppelin.

Com 520 páginas de biografia, mais algumas imagens marcantes da história do Led, essa foi a primeira biografia que li e confesso que fiquei totalmente surpreendido ao ler. Os fatos que fizeram o Led ser o que foi, como eles são descritos, a descrição de cada integrante, suas personalidades, suas aventuras… dando aqui um foco no que mais me chamou a atenção, o envolvimento de Jimmy Page com o ocultismo de Aleister Crowley (o qual tem um capitulo inteiro dedicado para escrever sobre). E o que mais me surpreendeu foi que, chegando ao final, foi batendo aquela tristeza que culminou nas últimas páginas antes do prólogo, mesmo sabendo do final daquela história.  Enfim, esta obra de arte conseguiu passar uma pequena porcentagem da energia vital daquilo que agora considero praticamente um ser vivo, um gigante, um dinossauro, um monstro incontrolável que foi o Led Zeppelin. Recomendo imensamente a todos, até àqueles que conhecem pouco as músicas do Led, pois é um livro totalmente excelente e muito bom de ser lido.

Led Zeppelin: Quando os gigantes caminhavam sobre a Terra. de Mick Wall

Quarenta anos após sua formação, em um porão imundo da Chinatown de Londres, surge a primeira biografia realmente definitiva de um dos grupos de rock mais famosos do mundo o Led Zeppelin. Eles foram o último grande grupo da década de 1960; o primeiro da década de 1970. Surgiram das cinzas dos Yardbirds para se tornar um dos grupos de rock de maior vendagem de todos os tempos. Mick Wall, respeitado jornalista musical, conta a história do grupo que escreveu o manual do excesso na estrada e acabou pagando por ele o preço do desastre, e da dependência de drogas e da morte.
Quando os Gigantes Caminhavam sobre a Terra revela pela primeira vez a verdadeira extensão do interesse do líder da banda, Jimmy Page, pelo oculto, e vai até os bastidores para mostrar a verdade por trás da fama. Wall também conta, numa série de flashbacks imaginários, histórias da vida dos quatro integrantes que transformaram o sonho do Led Zeppelin em uma realidade ainda mais incrível.
Acima de tudo, este é um livro que percorre a fascinante história do Led Zeppelin a partir da íntima convivência com o grupo. É o resultado de anos de pesquisa e se baseia não apenas em entrevistas individuais com todos os membros do grupo além de outras feitas por pessoas que os conheciam e trabalhavam com eles -, mas também na visão que só pode ser adquirida por alguém que passou três décadas no meio musical ao lado dos maiores artistas.

Comprar Livro De: R$ 99,00 Por: R$ 69,90

About Author

Sou foragido de um manicômio. Também sou amante de livros, hq’s, cinema, seriados e jogos em geral . Viciado assumido nas obras de Tolkien e Neil Gaiman, nas horas vagas incarno na pele de um goblin caçador de pandas nas terras de Azeroth

5 Comments

  • Gladys Freitas
    17 de janeiro de 2013 at 10:50

    Boa pedida para os fãs!

    Reply
  • Eduardo
    20 de janeiro de 2013 at 23:13

    Embora goste de rock, nunca fui fã do Led Zeppelin, a música que eu mais gosto deles é D’yer Mak’er e a que menos gosto é Stairway to Heaven (vão me jogar pedras…). Das bandas daquela época, talvez é a que menos tenha conhecimento, e esse seria um bom motivo para ler essa biografia.

    Por outro lado, sou muito fã de biografias, gosto muito de História e percebi que é uma maneira interessante de conhecer não apenas a vida dos biografados, mas a época em que eles viveram.

    Só o que lamento é o preço salgado, acho que com o tanto de lançamentos de rock nos últimos anos (http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/1213413-em-tres-anos-brasil-recebe-mais-de-250-livros-de-rock.shtml), o que é indicativo de grande interesse no assunto, as editoras poderiam fazer uma forcinha em aumentar a tiragem e reduzir o preço de capa. Ou lançar as biografias em formatos e preços que caibam no nosso bolso.

    Reply
    • Anna Schermak
      20 de janeiro de 2013 at 23:36

      Eduardo, adoro seus comentários, sempre com um assunto a mais e construtivo para conversarmos.
      Eu também acho que o preço das biografias são muito salgadas no Brasil, com tantas assim era de se ter um preço mais competitivo no mercado.

      Uma das biografias que li e mais gostei foi do Clint Eastwood, você já leu?

      Reply
  • JessicaLisboa
    24 de janeiro de 2013 at 20:34

    Nossa preço salgadinho não? Se (por um milagre) baixar eu comprarei

    Reply
  • Clara Beatriz
    26 de janeiro de 2013 at 18:48

    Nossa este preço está bem alto mesmo hein!

    Reply

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.