Menu
HQ / Literatura

[Resenha Manga] Thermae Romae #02 de Mari Yamazaki | Editora JBC

Thermae Romae
de Mari Yamazaki
Nº Total de Edições: 06 volumes
Formato: 13,5 x 20,5 cm
Páginas: cerca de 190 + 1 colorida
Preço: R$ 19,90
Classificação etária: 16 anos

Disponível nas bancas, confira o site da editora

Sinopse: Lucius se tornou um fiel-escudeiro do Imperador Adriano e teve que ficar longe de casa por 3 anos. Agora, um arquiteto de inigualável sucesso, retorna para casa, porém, sua ausência teve uma consequência negativa: o abandono de sua esposa Livia! Assim, o arquiteto deverá superar esse momento de dificuldade com o auxílio de seu amigo Marcus e, quem sabe, algumas viagens à terra dos caras achatadas… Qual será a grande aventura da vez?

Antes de ler a resenha do volume #2 confira a resenha de Thermae Romae #1.

t2

 

Depois do volume #1 de Thermae Romae conhecemos no volume #2 um pouco mais sobre a vida do arquiteto Lucius, temos um pequeno problema em sua vida social por seu tempo passado fora de casa e realmente acho que pelo menos esse volume #2 poderia ser indicado para um publico com maior idade por causa de algumas coisas que aprecem por aqui.

Thermae Romae #2  é ainda mais nonsense e Lucius quase vira um Deus quando viaja para o japão em um de seus momentos em busca de inspiração para criar as casas de banho termais. Não vemos tantas mudanças da proposta do primeiro volume, mas temos um desenvolvimento maior do personagem, uma pena que apenas em poucas páginas.

Confesso que esperava um pouco mais desse segundo volume, mas mesmo assim não deixou a desejar, a história flui muito bem e em pouco tempo você consegue alcançar o fim, com algumas emoções, mas com a repetida técnica de Lucius de fabricar as casas de banho.

1

2

3

4

5

6

7

8

About Author

Criadora do @pausaparaumcafe, social media, formada em marketing, rata de biblioteca, intolerante à lactose e a pessoas de mau humor.

1 Comment

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.