Menu
Literatura

[Resenha] O Prisioneiro do Céu de Carlos Ruiz Zafón – @suma_br

 O Prisioneiro do Céu

Autor: Carlos Ruiz Zafín
Editora: Suma de letras
I.S.B.N.: 9788581050737
Altura: 23 cm /Largura: 16 cm /Profundidade: 1 cm.
Acabamento : Brochura
Edição : 1 / 2012
Idioma : Português
Número de Paginas : 248
Tradutor : Eliana Aguiar

Compare Preços De: R$ 22,40 até: R$ 35,91

Sinopse: Barcelona, 1957. Daniel Sempere e seu amigo Fermín, os heróis de A sombra do vento, estão de volta à aventura para enfrentar o maior desafio de suas vidas. Já se passa um ano do casamento de Daniel e Bea. Eles agora têm um filho, Julián, e vivem com o pai de Daniel em um apartamento em cima da livraria Sempere e Filhos. Fermín ainda trabalha com eles e está ocupado com os preparativos para seu casamento com Bernarda no ano-novo. No entanto, algo parece incomodá-lo profundamente. Quando tudo começava a dar certo para eles, um personagem inquietante visita a livraria de Sempere em uma manhã em que Daniel está sozinho na loja. O homem misterioso entra e mostra interesse por um dos itens mais valiosos dos Sempere, uma edição ilustrada de O conde de Montecristo que é mantida trancada sob uma cúpula de vidro. O livro é caríssimo, e o homem parece não ter grande interesse por literatura; mesmo assim, demonstra querer comprá-lo a qualquer custo. O mistério se torna ainda maior depois que o homem sai da loja, deixando no livro a seguinte dedicatória: “Para Fermín Romero de Torres, que retornou de entre os mortos e tem a chave do futuro”. Esta visita é apenas o ponto de partida de uma história de aprisionamento, traição e do retorno de um adversário mortal.
Transbordando de intriga e emoção, O prisioneiro do céu é um romance em que as narrativas de A sombra do vento e O jogo do anjo convergem e levam o leitor à resolução do enigma que se esconde no coração do Cemitério dos Livros Esquecidos.

Book Trailer do Livro O Prisioneiro do Céu

 

Resenha do Livro O Prisioneiro Do Céu

Carlos Ruiz Zafón entrou para a lista dos meus autores preferidos depois dessa leitura. Com certeza é um livro que eu nunca irei me desfazer e irei buscar ler as outras obras do autor.

Demorei cinco dias para ler essas poucas páginas, mas não por lerdeza, má vontade ou preguiça. Mas, porque esse livro deve ser degustado e não devorado. Com uma xícara de café quentinho nas mãos e um tempo para se dedicar a uma leitura paciente, este livro vai ser o melhor companheiro que você poderia ter.

“Estarei lá, esperando por você. Se vier, fará de mim o homem mais feliz do mundo e saberei que meus sonhos de recuperar o seu amor podem acalentar esperanças
De quem a ama desde sempre, 
 PABLO”. Pag:47 

Não conhecia a escrita do Zafón, mas ele me surpreendeu, cativante e com elementos que todos os livros deveriam ter ele prende o leitor até a última página.

Livro O Prisioneiro do Céu
Uma história que contém uma livraria, a velha Espanha e escritores em seu enredo não podem dar errado. E confirmamos isso com está leitura.
Não consigo descrever a vocês como eu gostei desses personagens. Zafón trouxe riqueza para a história com Fermín que é um personagem cativante, que sabe contar uma história que vive o “ciclo do herói” ao longo da sua história.

“Naquela mesma tarde, de volta à livraria, coloquei em prática meu plano para salvar a identidade de Fermín. Pag:186”

Cativante, motivante e que traz ao leitor questionamento que te fazem começar a juntar pontos e se perguntar: “Onde, como o que? Pera, volta aqui, mas não era aquilo? Óh mais isso é muito melhor do que eu estava imaginando! “

A edição da suma é muito parecida com os outros livros do Zafón que ficam lindos da estante juntinhos. Gosto muito dessa capa e acho que combina perfeitamente com o clima da história.

“Por ela, peço que leia essa história e que, uma vez terminada, a destrua e esqueça tudo o que ouviu sobre um passado que não existe mais, que limpe seu coração de ódio e viva a vida que sua mãe quis lhe dar. ” Pag: 241

Indicado Para: Para pessoas que gostam de livros mais calmos, que gostam de histórias que tem em seu cenário livrarias e a bela Espanha.

About Author

Criadora do @pausaparaumcafe, social media, formada em marketing, rata de biblioteca, intolerante à lactose e a pessoas de mau humor.

24 Comments

  • leticia
    16 de julho de 2012 at 19:55

    Esse livro é muito bacana, adoro Fermin!!!! A descrição do autor é de poucos que já vi, linda, e apesar de poucos conseguirem ler um leitura mais lenta e densa, eu sempre viajo para os lugares onde Zafón quer, é sempre divino esse livro! não é a toa que é meu autor favorito e o que sempre tenho q ler os livros novos, mesmo que em outra língua.

    Os quotes desse livro são quase impossíveis de se achar, porque todo ele é lindo.

    Bjs

    Reply
  • […] Quem quiser conhecer mais sobre o livro pode ler a resenha que já foi feita aqui no blog: Resenha do Livro O Prisioneiro Do Céu de Carlos Ruiz Zafón. […]

    Reply
  • Luciana de Queiróz
    28 de agosto de 2012 at 19:47

    Muito legal… espero ganhar para poder ler!

    Reply
  • Luciana Maia
    28 de agosto de 2012 at 19:56

    Oi! Ah.. tenho muita curiosidade de ler os livros dele, parecem interessantíssimos. Que bom que gostou da leitura. Mas fiquei na dúvida: pra ler esse livro precisa ler A Sombra do Vento e O Jogo do Anjo antes??

    abraços,
    Luciana
    http://folhasdesonhos.blogspot.com

    Reply
    • Anna Schermak
      28 de agosto de 2012 at 19:59

      Luciana, é indicado Ler.
      Mas são histórias independetes. Você pode muito bem ler sem ter lido os anteriores.

      Reply
  • Cris Aragão
    28 de agosto de 2012 at 20:42

    Eu sinto que preciso ler todos os livros do autor, no momento estou acabando de ler Marina, ao contrário de você, que leu O prisioneiro do céu bem devagar, eu não consigo deixar de ler algumas passagens um tanto atropeladamente, mas eu sei que é um livro que eu vou reler várias vezes, então eu não consigo resistir a ler com rapidez na ânsia de saber o que vem a seguir. Assim como você, esse é um livro que pretendo guardar para sempre, um daqueles que ficam sempre à mão na estante e acabam bem manuseados de tanto que são folheados.

    Reply
  • Laria
    28 de agosto de 2012 at 20:51

    Até hoje só Marina e me apaixonei de cara pelo Zafón. Quero muito ler essa trilogia e essa resenha só instiga mais. *-*

    Reply
  • Ana Paula
    28 de agosto de 2012 at 21:09

    já ouvi muiita coisa boa sobre esse livro.. to doida pra ler!!
    e claro.. participando da promoção xD heheheh

    Reply
  • cristiane dornelas
    28 de agosto de 2012 at 23:15

    Não vi muitas resenhas do livro, mas as que vi eu gostei bastante. O livro parece ser bem legal e é o primeiro que conheci do autor. Legal, eu gostei.

    Reply
  • Manuella Hitzschky
    29 de agosto de 2012 at 14:07

    Estou lendo ‘A Sombra do Vento’, anterior a esse. Já estou muito envolvida com Daniel e adorando a história! Quanta sutileza e sensibilidade na escrita de Zafón! Como sabe prender nossa atenção sem usar clichês policiais! Nossa, estou bem apaixonada pela leitura. Não pensei que fosse gostar assim. Quero muito ler “O Prisioneiro do Céu”, depois “Marina” e todos que Zafón lançar!

    Reply
  • Luciana
    29 de agosto de 2012 at 15:19

    Estou curiosa para ler esse livro, principalmente pelo fato dele trazer o Daniel e o Fermín de volta! *-*

    Reply
  • Camila
    30 de agosto de 2012 at 16:40

    Eu quero Ler!!!

    Reply
  • Fátima Menezes
    31 de agosto de 2012 at 13:28

    Muito bacana. Sou louca para ler a história que consagrou o Zafón como o grande escritor que ele é hoje. Só leio comentários positivos sobre essa série. Amei “Marina”, então minhas expectativas estão lá em cima.

    Reply
  • Irene Moreira
    2 de setembro de 2012 at 01:51

    Vou começar a ler o Sombras do Vento e sei que vem por aí muitas emoções. Quero compartilhar com Daniel e Fermin esses momentos e saber todos os detalhes desta Espanha que me fascina e principalemnete Barcelona.

    Reply
  • Jennifer Farias
    6 de setembro de 2012 at 03:41

    Hum,ainda não li A Sombra do Vento,mas estou super curiosa,são tantas as criticas boas!

    E é uma delicia ler livros que têm como cenário um outro país,onde mostra as culturas diferentes,eu amo e tenho certeza que vou amar os livros de Zafón!

    Beijooss

    Reply
  • Rodolfo Euflauzino
    9 de setembro de 2012 at 14:00

    Retornar ao Cemitério dos Livros é algo que todo leitor quer e deveria fazer constantemente. Confesso que tenho medo de me decepcionar, é que a leitura do primeiro livro foi tão impactante que deposito esperanças em alto grau neste. Fermin, meu personagem preferido, de volta é maravilhoso. Quero demais este livro em minha biblioteca, em minha vida.

    Reply
  • Sabrina Mazzoni
    11 de setembro de 2012 at 12:28

    Já li algumas resenhas de Zafón e fiquei até um pouco emocionada.
    Comecei a ler essa resenha e até me arrupiei, a história me deu um impacto que, nem sei descrever.
    Assim como Marina, quero muito ler esse livro.

    Reply
  • Aline
    11 de setembro de 2012 at 14:57

    A resenha é excelente. Eu já estava com vontade de ler o livro por ser uma continuação de A Sombra do Vento e porque eu me apaixonei pela escrita do Zafón e a resenha deu só mais vontade e agonia por ainda não poder comprar o livro. Mas como outra pessoa comentou, fico com um pouco de receio de me decepcionar com esse, já que o primeiro foi TÃO espetacular.

    Reply
  • Mariana Siqueira
    11 de setembro de 2012 at 15:41

    Estou completamente apaixonada pela obra de Zafón! *-*’ e preciso desesperadamente ler esse livro. A Sombra do Vento já nos traz uma riqueza de detalhes, e acredito que essa sequência seja ainda melhor! *-* Ótimaresenha! E as frases são maravilhosas! 😀

    “Por ela, peço que leia essa história e que, uma vez terminada, a destrua e esqueça tudo o que ouviu sobre um passado que não existe mais, que limpe seu coração de ódio e viva a vida que sua mãe quis lhe dar.” belo!

    Reply
  • Sandra Espíndola
    11 de setembro de 2012 at 16:01

    🙂 Oie.Parabéns pela resenha,Desejo realmente que este livro seja tão bom e cativante quanto a “Sombra do vento” que é fascinante, como você… estou apaixonada pela escrita do Zafón, preciso ainda ler este e mais “Marina” que estão na minha lista de leitura.
    Abraços.

    Reply
  • Angela Gabriel
    11 de setembro de 2012 at 16:04

    Esse é o único livro do Zafón que ainda não li.
    Ele é mestre, escreve com uma autoria e um sentimento que deixam qualquer leitor ou escritor de queixo caído.
    Quando li o primeiro livro dele, O Jogo do anjo, já me surpreendi com a forma com que ele conduziu a história.
    Espero me surpreender com O Prisioneiro também..mas pelo que li em sua resenha, isso é garantido.rs

    Beijo

    Reply
  • marinna bastos
    12 de setembro de 2012 at 18:54

    Acabei de adquirir a sombra do vento, quando chegar vou devorá-lo,depois parto pra comprar esse! Gosto muito do estilo do autor, suas descrições são ótimas!

    quero mto ler!

    bjs

    Reply
  • Joe Silva
    23 de setembro de 2012 at 18:12

    Bacana, nunca li nada do autor, mas sempre li resenhas positivas dos livros.

    Parabéns ^^

    Reply
  • Fernanda Yano
    24 de setembro de 2012 at 14:03

    Tenho curiosidade para ler algo do autor, leio sempre comentários bons sobre ele e como seus livros são envolventes!

    Reply

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.