Menu
Literatura

[Resenha] Primeiro Dia de Marc Levy | @Suma_Br

Você aprende a amar Marc Levy aos poucos.

Confesso que não gostei logo de cara do livro, demorei muito para entrar no clima de O Primeiro Dia.

Existem livros e livros, escritores e escritores e existem momentos e momentos para se ler um livro.
E isso aconteceu com Marc Levy!

Quando comecei a ler O Primeiro Dia eu não estava no clima da leitura, começou lenta e tão lenta que fiquei um dois dias sem vontade de continuar a leitura, mas o problema era eu.

Depois de algum tempo pude notar uma grande diferença na leitura, eu mudei e a leitura mudou junto, ainda notei o problema de não ter tanta agilidade na escrita e nos acontecimentos mas o livro mudou muito.

Ele se tornou mais complexo, eu entendi melhor e  realmente comecei a me identificar melhor com os personagens.

Keira se tornou uma grande amiga e Adrian alguém que eu queria ao meu lado. Quando acabei a leitura já queria correr para ler A Primeira Noite, segundo volume da trilogia.

O livro tem um final lindo, triste mais lindo e se prepare para para querer brigar com o autor ou ficar com um pé atrás sobre o que realmente aconteceu com essa história.

É com certeza uma ótima leitura, mais leiam com calma, sem correria e com cuidado, okay? Essa é a super dica do feriado!

O livro ganha 4 xícaras de um café em uma noite cheia de estrelas. É lindo e me emocionou com toda a carga dramática. Vou com certeza ler os próximos!

O Primeiro Dia de Marc Levy 

Ambiciosa e apaixonada, a arqueóloga Keira comanda uma escavação no Vale de Omo, na Etiópia – e, quando uma tempestade de areia destrói o local, se vê obrigada a retornar à Europa. Mas traz consigo um estranho pingente, que recebeu das mãos de um menino etíope. Em Londres, disputando uma bolsa de pesquisa, seus caminhos se cruzam com o de Adrian, um renomado astrônomo – e seu ex-caso, de muitos anos atrás. Numa visita ao apartamento dele, ela esquece lá o pingente, acendendo em Adrian tanto o interesse científico pela origem do artefato quanto o amoroso por sua dona. Logo se tornará claro para o casal que eles não são os únicos interessados no pingente, e que há gente disposta a tudo para consegui-lo. Keira e Adrian partem numa viagem que os levará a vários continentes, seguindo mapas traçados a partir das estrelas e pistas enterradas no solo. E sua meta é achar a resposta para perguntas que intrigam a todos desde o início dos tempos.

Compre Online na Saraiva!

About Author

Criadora do @pausaparaumcafe, social media, formada em marketing, rata de biblioteca, intolerante à lactose e a pessoas de mau humor.

26 Comments

  • Cris Aragão
    17 de novembro de 2012 at 02:40

    Eu estou lendo esse livro há quase uma semana, nesse meio tempo eu terminei de ler Coraline (li no ônibus e amei), li Carrie – A estranha 9é um livro meio estranho mas me ganhou no final) e de ontem para hoje li mais de 200 páginas de Belle. Nesse meio tempo eu só li 100 páginas de A primeira noite e não é nem que eu não esteja gostando do livro, ele simplesmente não me “pegou” ainda, quem sabe hoje à noite a leitura não deslancha.

    Reply
  • Layse Hana
    17 de novembro de 2012 at 18:00

    Esse tipo de livro me lembra os livros do autor Dan Brown…que eu adoro e adorei a sinopse do livro adoro estorias de aventura do tipo seguindo o caminho para o tesouro e resolvendo mistérios! *_*
    Adorei
    xoxo

    Reply
  • Eduardo
    17 de novembro de 2012 at 19:00

    Isso já aconteceu várias vezes comigo, começar a ler um livro e não estar sintonizado com ele. Tem hora que eu acho que o problema é do livro, mas geralmente o problema sou eu mesmo. Pode ser que a história comece devagar, também conheço a tática de alguns bons escritores de torrar a paciência dos leitores (ex: Umberto Eco). Vai ver que Marc Levy está seguindo a fórmula. Apenas os perseverantes chegam no topo da montanha!

    Reply
  • Fernanda Faria
    19 de novembro de 2012 at 02:21

    Eu achei essa capa linda, ainda não li nenhum livro do autor ;/
    Sabe as vezes acontece isso comigo, começo não dando nada pelo livro, más depois já estou avida por mais leitura e para extrair mais dos personagens . Um bela dica 😀

    Reply
  • Fernanda Yano
    19 de novembro de 2012 at 11:21

    A capa não é das melhores mesmo, pelo menos para o meu gosto.
    Já aconteceu isso comigo em alguns livros, não sei se o problema era eu ou o livro, mas é difícil vencer essa etapa.
    Gosto de Marc Levy, o primeiro livro que li do autor foi E se fosse verdade, por causa do filme rs. Assim conheci sua obra e acabei lendo outros títulos tb. Esse livro da resenha ainda não tinha visto. Ótima dica sim.

    Reply
  • […] Antes de participar que tal ler a Resenha do livro O Primeiro Dia? […]

    Reply
  • Ana Paula
    19 de novembro de 2012 at 23:52

    confesso que o que mais me chamou atenção no livro foi a capa.. hehehhe
    mais ja li vários comentários bons a respeito do livro! com certeza já está na minha lista de leitura o/

    Reply
  • Gladys Freitas
    20 de novembro de 2012 at 00:05

    Já li resenhas positivas sobre esse livro e ainda não me decide se leio ou não, :/

    Reply
  • Luciana Maia
    20 de novembro de 2012 at 13:52

    Oi! É, às vezes depende de como estamos para nossa leitura fluir mais ou menos. Esse livro parece que tem algo de gostoso de ler, bem tranquilo.

    abraços,
    Luciana

    Reply
  • Thaty
    22 de novembro de 2012 at 01:06

    Pela sinopse o livro parece ser interessante, mas o fato da leitura demorar ou não depende na minha opinião do humor do leitor.. (eu por exemplo estou a quase 1 mês e meio lendo a dança dos dragões, e parei em uma parte que por mais emocionante que seja eu não consigo ler por estar um pouco cansada do mundinho do livro).. mas aí vai de pessoa para pessoa

    Reply
  • Alessandra
    24 de novembro de 2012 at 01:42

    Bem interessante, fiquei com muita vontade de lê-lo.

    Reply
  • Maryhelen Bastos
    24 de novembro de 2012 at 16:29

    Eu tenho uma queda por essa capa, e lendo seu post fiquei curiosa pela história, pois gosto de livros que nos surpreende.

    Reply
  • Ludmila Sharon
    24 de novembro de 2012 at 18:45

    Bom, nunca tinha lido um drama e com isso eu pensava que não gostava, até que eu li a culpa é das estrelas e passei amar o genero.
    Espero que esse livro me consquiste tanto quanto!

    Reply
  • Suzi
    25 de novembro de 2012 at 11:00

    Eu quero muito ler esse livro!!!Acho a capa dele maravilhosa e estou muito curiosa sobre a historia!!Pretendo ler em breve bju

    Reply
  • Lucas Martinuzzo
    26 de novembro de 2012 at 01:32

    Parece um ótimo suspense, a resenha desse livro me lembrou os livros do Dan Brown, espero que seja tão bom quanto ;D

    Reply
  • Bianca Gomes
    27 de novembro de 2012 at 00:24

    Fiquei super curiosa por esse livro,devido a sua resenha,e estou torcendo para que eu posso o ler logo *-*
    Bjs.

    Reply
  • Luciana Brito
    30 de novembro de 2012 at 12:28

    Estou bem curiosa sobre esse livro, e acho que essa coisa de momentos de leitura é bem interessante. Aconteceu isso comigo na leitura de A Sombra do Vento.

    Reply
  • Adriana
    2 de dezembro de 2012 at 14:55

    Quero ler este livro já li resenhas negativa sobre a narrativa ser lenta também , mas gosto de ter a minha própria opinião ,pois acho que vou gostar da historia.

    Reply
  • Martha Franciny
    2 de dezembro de 2012 at 22:38

    Uma de minhas blogueiras favoritas ama os livros do Marc, e ela falou muitíssimo bem dele, então, só me resta ficar com vontade de tê-lo em minha estante para poder devora-lo 🙂

    Reply
  • VANNESSA QUEIROS
    4 de dezembro de 2012 at 19:40

    Parabéns pela resenha,sou fã dos livros de Marc Levy! Ele consegue conquistar o leitor,prender sua atenção com livros cativantes,emocionantes
    O primeiro livro que li dele foi E se fosse verdade.Com certeza na milha wishlist

    Reply
  • Juliana Xavier
    4 de dezembro de 2012 at 21:46

    Pra mim quando mais drama melhor!!! Mas esse negócio de querer brigar com o autor no final… já me deu ansiedade!!!!!

    Nunca li nada do Marc Levy, já ouvi falar muito bem, apesar desse livro estar dividindo opiniões por aí… quero ler pra conhecer o autor e para entender porque tem gente que ama e gente que odeia essa história.

    E isso da gente não estar no clima de ler um livro é uma super verdade. Já aconteceu comigo também. Agora, quando vou escolher uma leitura, penso primeiro no meu estado de espírito… hehe…

    Beijo!

    Reply
  • Manu Hitz
    7 de dezembro de 2012 at 14:19

    Desde a primeira vez que li a sinopse fiquei interessada. Depois fui saber um pouco mais sobre o autor e me interessei por outros livros dele também. Já adicionei à minha lista de desejados os livros desse autor francês, além do ‘Primeiro Dia’: ‘A primeira noite’, ‘Onde está você’ e ‘E se fosse verdade’. Este último foi pras telonas e é uma história deliciosa.

    Reply
  • Paola
    9 de dezembro de 2012 at 19:12

    Aaaaana *abraça* Saudades do Pausa. Tava arrumando meus marcadores e achei o do blog, aí vim matar a saudade.
    Gostei da tua sinceridade na resenha, até fiquei curiosa pelo livro. Mas atualmente ando procurando livros que me fisguem, que me arrbatem desde o primeiro instante. E de preferência não tão densos.
    E para ser sincera, não fui com a cara dessa capa. *risos*

    Beijoos ;*
    @pirulitolimao

    Reply
  • Nardonio
    10 de dezembro de 2012 at 15:09

    Desde que vi a capa e li a sinopse, gostei bastante. Vi que ele tem uma pegada misteriosa e de aventuro, e isso gosto bastante em livros. Uma pena que no começo ele não tenha funcionado pra você, mas pelo menos a leitura engrenou depois de uma tempo, não é?!?!
    Pretendo lê-lo em breve.

    @_Dom_Dom

    Reply
  • PATRICIA MARTINS DE CASTRO
    10 de dezembro de 2012 at 19:43

    A tempos que quero ler este livro, mas ainda não o comprei, já ouvi falar muito bem e muito mal dele, acho que acontece exatamente o que vc falou sobre o problema ser com a gente e não o livro. Por isso espero pega-lo para ler me sintonizar com ele

    Reply
  • […] Antes que você reclame de algum spoiler lembre-se que A Primeira Noite é  continuação do livro O Primeiro Dia  do autor Marc Levy, nós já fizemos a resenha de O Primeiro Dia aqui no blog, confira clicando aqui! […]

    Reply

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.