Menu
Séries

[Séries] Penny Dreadful

Tem seriados que as pessoas insistem que você tem que ver – que seus amigos assistem e ficam implorando pra que você assista, certos de que é seu próximo grande amor seriado, mesmo que você nunca tenha visto nem mesmo um vídeo promocional pra saber se estaria ou não interessado.

tumblr_n9nhpwPbq41s3w48ro6_r1_250E aí tem aquelas séries que você vê uma foto e pensa: eu tenho que ver isso. Essa série foi feita pra mim. Isso é tudo o que eu estava procurando.

Foi assim que eu comecei a ver Penny Dreadful, novidade da última midseason no Lifetime. Eu não sei exatamente por quê, mas no momento em que vi algumas fotos e gifsets dos episódios, decidi que tinha que assistir. Esperei que a temporada terminasse e comecei a baixar. Não deu outra: me apaixonei.

Não sei exatamente o que eu estava esperando quando comecei a ver Penny Dreadful, mas sei que não era nada parecido com o que a série realmente traz. Eu estava completamente no escuro quando comecei a assistir, então imaginem qual a minha surpresa quando personagens de clássicos da literatura de terror e suspense começaram a pipocar pela série?

tumblr_n9oap65xB61ttowf2o3_250É isso aí. Apesar do enredo ser mais ou menos original, Penny Dreadful traz uma pequena colcha de retalhos de livros dos quais todos nós já ouvimos falar pelo menos uma vez na vida. Na Londres vitoriana, Vanessa Ises está ajudando o Sr Malcolm Murray a encontrar sua filha, e grande amiga de Vanessa, Mina. As últimas notícias que a família teve dela foram que ela estava noiva de um rapaz chamado Jonathan Harker, e desapareceu sob circunstâncias misteriosas, sem deixar rastros. Nessa busca, eles contarão com a ajuda do atirador americano Ethan Chandler, e com os conhecimentos do jovem Dr Victor Frankenstein, enquanto desvendam as misteriosas criaturas que parecem estar em seu caminho para encontrar Mina.

Soou familiar? Qualquer semelhança com Drácula ou Frankenstein NÃO étumblr_n9rag5ErBM1qbrq9ko1_500 mera coincidência. Essas são apenas algumas das obras cujos personagens e histórias compõe os vários níveis da trama da série, que vai crescendo e se revelando infinitamente mais assustador e complicado do que parece.

Em todos os seus oito episódios, Penny Dreadful (que em inglês significa algo como “ficção barata” – aqueles livros de banca bem vagabundos com histórias bizarras) tem picos de emoção e momentos chocantes. É impressionantemente bem escrito e bem desenvolvido, mesmo mesclando tantos subplots derivados de livros com mitologias tão variadas, e me deixou sem fôlego. Pra quem gosta do gênero de suspense e sobrenatural, é uma excelente pedida. Não é forte demais (no sentido de dar medo, já que, tumblr_n9q67l8ZPx1ttowf2o2_500como toda série da Lifetime, tem uma tendência a ser filmado de maneira… intensa) e ao mesmo tempo não te dá um instante de sossego.

A segunda temporada já foi confirmada e deve começar em meados do ano que vem. Eu mal posso esperar!

3 Comments

  • Katherine Farias
    8 de agosto de 2014 at 18:32

    Gostei, mais uma série pra eu colocar na lista, quanto desespero! Pena que não tem no Netflix 🙁 To adorando o blog, bjs!

    Reply
  • Dan
    14 de agosto de 2014 at 17:10

    É uma série que realmente consegue prender a sua atenção a cada episódio, e, apesar de reunir várias histórias, conseguiu amarrá-las muito bem, além de contar com um elenco excelente que conseguia (pelo menos pra mim) transmitir toda a atmosfera que a série pedia.

    Conheci o blog a pouco tempo atráves de um outro site e estou adorando 🙂

    Reply
  • Davi
    20 de agosto de 2014 at 22:18

    Esta é uma série que se você não gostar dela no 1º episódio no 2º você não para mais de ver, aquela cena com a Eva Green no 2º episódio é fantástica, lembro que fiquei de boca aberta quando vi, recomendo a todos que vejam. 🙂

    Reply

Deixe um comentário para Katherine Farias Cancel Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.