“Para Todos os Garotos que Amei” mostra a descoberta do amor e a amizade entre irmãs

Eu já tinha ouvido muito falar do livro quando ele chegou no Brasil. “Para Todos os Garotos que já Amei” conquistou leitores com sua história fofa (e até uma referencia ao Clube da Luta no meio da história) e cheias de problemas adolescentes que parece mínimo para quem já passou dessa fase, mas que durante a adolescência toma proporções inimagináveis.

IMG_4135

Trabalhando a história de uma família sem a mãe e um grupo de meninas que teve que aprender desde muito cedo a se virar sozinha e ajudar o pai, a história de Jenny Han traz elementos conhecidos de muitas histórias adolescentes, mas que tem um quê especial quando sua narrativa nos mostra como os dramas tem um peso muito maior quando a tensão não é fora, mas sim dentro de casa.

IMG_4141

Em sua narrativa simples e tranquila de ler, Jenny nos mostra como esperamos muito de nós mesmos e colocamos expectativas em tudo. E outras (muitas) vezes, como somos burras e como as pessoas podem ser muito cruéis.

A adolescência é um campo de guerra. É um caminho sem volta, o treinamento para se tornar adulto e não se importar mais com tanta besteira. Mas é uma parte importância que nos destrói muitas vezes por coisas que nunca fizemos e aqui, temos exatamente isso.

IMG_4143

Com a descoberta de amores, o ter que voltar atrás e a disputa interna praticamente invisível entre irmãs, Jenny Han trabalha a família aqui. E talvez seja isso que mais nos surpreenda. Quando esperamos que o triângulo amoroso seja o centro, nos surpreendemos com as irmãs Song sendo sempre o centro de tudo, em qualquer lugar do mundo onde elas estejam.

O livro não é perfeito e tem uma protagonista muitas vezes irritante de tão ingênua, mas ele se sobressai facilmente em meio aos livros do gênero.
IMG_4140

ISBN-13: 9788580577266 |  ISBN-10: 8580577268 | Ano: 2015 | Páginas: 320 | Editora: Intrínseca

JENNY HAN nasceu na Virgínia, Estados Unidos, e cursou mestrado em escrita criativa pela New School. Sabe fazer um brownie perfeito, é ótima em inventar apelidos e tem paixão por livros de receitas. Sua série de TV preferida é Buffy – a caça-vampiros. Mora no Brooklyn, em Nova York.

Untitled-1

CLIQUE AQUI PARA COMPRAR 

Baci ;*

Aproveite para nos seguir nas redes sociais!
Facebook Instagram Twitter Tumblr Google +  ? Pinterest Youtube  ?Blogvin Flickr

Share:
3 comments so far.

3 respostas para ““Para Todos os Garotos que Amei” mostra a descoberta do amor e a amizade entre irmãs”

  1. Clauo disse:

    OI Anna
    Que fotos mais lindas! Adorei!
    Acabei de pegar este livro na biblioteca. Eu e minha filha estamos super curiosas. Fiquei ainda mais depois de ler sua resenha.
    Bjks mil

  2. […] que estão descobrindo seus sentimentos e em meio a tudo isso se descobrindo como pessoa. Eu li Para Todos os Garotos Que Já Amei e gostei bastante, mas não consegui ter a mesma relação com “O Verão Que Mudou a Minha […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Anna Schermak

Anna Schermak

26 anos, Curitibana, Formada em Marketing. Criadora do Pausa Para um Café e Social Media na maior parte do tempo. Apaixonada por cachorros, cafés e bons livros.

PESQUISE

PUBLICIDADE

DICA DE CURSO

COLUNAS

Submarino

Últimos Vídeos